(31) 3337-7050
(31) 99955-7171
Áreas de Atuação

Psicoterapia Individual e/ou Grupal

PSICOTERAPIA PSICODRAMÁTICA DE ADULTO  

 

Psicoterapia%20Individual.jpg

 

      

 

 

 

 

 

 

 

 

 

    

 

     

      Indicações:

Tratamento de desajuste e instabilidade emocional;

Ansiedade, angústia, depressão, fobias e compulsões;

Síndrome do Pânico;

Dificuldades de relacionamento pessoal e/ou profissional;

Insegurança, baixa estima e timidez;

Distúrbios alimentares (anorexia, bulimia, compulsão) concomitantes a tratamento médico;

Distúrbios psiquiátricos;

Drogas e alcoolismo.

Procedimento:

Marcar a Sessão Inicial pelo telefone de contato. Nesta sessão serão esclarecidos os motivos da busca de psicoterapia, apresentada a proposta de trabalho e realizado o Contrato de Trabalho, onde consta o valor das sessões, forma de pagamento,  etc.

No caso de Psicoterapia em Grupo, serão realizadas algumas sessões individuais até a entrada no grupo.

O Psicodrama é o tratamento do indivíduo e do grupo através da ação dramática. No Psicodrama de Grupo o Protagonista poderá ser um indivíduo ou o próprio grupo.

O Psicodrama possui uma metodologia própria que busca favorecer a compreensão e o crescimento do ser humano. O convite é para o indivíduo ou grupo contar e dramatizar a sua história, estimulando a espontaneidade e criatividade, mobilizando o corpo para o agir e sentir a realidade, reconhecendo o processo de inter-relacionamento, os vínculos e encontros estabelecidos. 

As Dramatizações ou as Técnicas do Psicodrama nem sempre são utilizadas em todas as sessões de Psicoterapia Psicodramática, pois muitas vezes é necessário elaborar verbalmente o material já obtido anteriormente.

As Técnicas Psicodramáticas são numerosas e algumas têm aplicações muito específicas. A seguir algumas técnicas mais utilizadas:

  • Dramatização em cena aberta, onde o paciente monta a situação concreta que ele deseja trabalhar. Pode ser uma situação que ele irá enfrentar e que receie ou algo que já aconteceu e que ainda lhe traga conflitos e sofrimentos.
  • Psicodrama Interno, onde a ação dramática é simbólica. O paciente, pensa, visualiza e vivencia a ação, mas não a executa.
  • Átomo Social, trata-se de uma auto-apresentação onde, por escolha própria, o protagonista apresenta as pessoas afetivamente significativas, as relações mais importantes.
  • Psicodrama com sonhos, onde o paciente, em vez de relatar o sonho, o representa. Pode ser proposto ao paciente que termine o seu sonho da forma que melhor lhe convier.
  • Jogo Dramático, pelo seu conteúdo lúdico, permite um relaxamento do campo terapêutico, para que seja possível uma aproximação sutil do material conflitivo.
  • Trabalho com metáforas e contos, onde o paciente pode se identificar com o herói e/ou outros personagens servindo de aquecimento para a dramatização. O paciente pode representar os diferentes personagens, o que favorece o autoconhecimento e a percepção do conflito por vários ângulos.